Feeds:
Posts
Comentários

Archive for agosto \31\UTC 2008

A Teosofia, fundada por Helena Petrovna Blavastsky, é um dos pilares da doutrina que sigo, a Sociedade Brasileira de Eubiose (que já se chamou Sociedade Teosófica Brasileira).

Deixo para vocês esse vídeo do YouTube que sintetiza muito do que essa filosofia propõe, de forma clara e objetiva.

Sociedade Teosófica no Brasil: http://www.sociedadeteosofica.org.br/

Sociedade Brasileira de Eubiose: http://www.eubiose.com.br

Namastê!

Read Full Post »

“Vida casta (no sentido de não submeter o organismo a exageros, de alimentação, bebidas, excesso de trabalho e muitos outros…), mente livre e sem preconceitos, coração puro… intelecto sequioso de conhecimentos, percepções espirituais lúcidas, fraternal carinho para com toda a Humanidade, boa disposição para receber e transmitir conselhos e instruções, boa resignação e ânimo nos sofrimentos das injustiças pessoais que nos possam afetar; firmeza inabalável de princípios; valorosa defesa dos injustamente atacados, devoção perseverante para com o ideal de progresso e perfeição da Humanidade que a Ciência Sagrada descreve: tais são os degraus de oiro, pelos quais o principiante pode alcançar o Templo da Sabedoria Divina que é o próprio praticante, completamente transformado”.  Sebastião Vieira Vidal

Tantas vezes nos achamos tão perfeitos… na verdade estamos presos ao egocentrismo estigmatizado pela sociedade… E se esses são os passos para os principiantes, creio que a humanidade está muito longe do real equilíbrio.

Tantas teorias sobre grandes cataclismas que dizimariam milhares, senão milhões de pessoas em meados de 2012-2016… Creio que sejam verdadeiras, é a dança de Shiva, o destruidor, tirando as ervas daninhas do mundo, preparando o solo para Brahma jogar novas sementes, para uma nova colheita.

SPES MESSIS IN SEMINE : “A esperança da colheita reside na semente”

Namastê!

Read Full Post »

Nós ocidentais damos pouquíssimo valor à respiração, o que é um grande erro! A respiração é um dos principais meios de absorção de Prana, a energia cósmica que faz tudo mover.

A quantidade de energia passada atráves da cadeia alimentar, estudada na biologia do Ensino Médio, representa bem o que acontece com a absorção de prana através dos alimentos. Podemos obter muito mais prana através da ingestão de vegetais, porque esses tem a capacidade de absorver e concentrar em si diretamente esse prana.

Ambas as formas de absorção do prana são vitais para um perfeito desenvolver do ser humano: respiração e alimentação. Vamos nos concentrar hoje na respiração.

Há técnicas respiratórias que possibilitam uma maior absorção do prana, chamadas de Pranayama.

Prana: vida, acontece na inspiração.
Yama: é o Deus da morte do panteon hindú, representa a expiração.

Há certas horas do dia em que respiramos mais por uma narina do que pela outra. Quando o fazemos mais pela direita, a energia que inspiramos se chama PINGALÂ (energia positiva, solar, masculina), e quando é mais pela esquerda, a energia se chama IDA (energia negativa, lunar, feminina). Respirar igualmente pelas duas narinas consiste num estado de equilíbrio chamado SUSHUMNÂ.

Para equilibrar esses dois lados do corpo humano e alcançar o Sushumnâ, pode-se fazer o seguinte Prânâyâma:

    -Ida

  1. Fechar a narina esquerda com o dedo anular e inspirar com a narina direita.
  2. Fechar a narina direita e reter o ar nos pulmões.
  3. Soltar o ar pela narina esquerda (a narina direita permanece fechada)
  4. Fechar a narina direita e manter os pulmões vazios.
  5. -Volta:

  6. Retirar o anular da narina esquerda e inspirar o ar.
  7. Fechar a narina esquerda e manter os ar nos pulmões.
  8. Expirar pela narina direita deixando os pulmões vazios.
  9. Fechar a narina direita e manter os pulmões vazios.

Repetir esse ciclo mais 6 vezes, totalizando 7 (o sete é um número mágico, cabalistico, depois faço um post só sobre ele!). Há horas do dia em que as energias são mais fortes: as 6h, as 12h e as 18h. Procure fazer o exercício nesses horários! Só evite fazer entre as 22h e as 4h, horário no qual a energia solar é muito baixa.

Namastê!

Read Full Post »

Baixei esse cd e simplesmente viciei! Samba de raiz, de qualidade mesmo… Faz o sangue correr mais forte dentro da gente, o supra-sumo da música brasileira!

Eis um video do YouTube da música Alvorada (minha preferida!!!):

Músicas:

1.Disfarça e chora
2.sim
3.Corra e olhe o céu
4.Acontece
5.Tive sim
6.O sol nascerá
7.Alvorada
8.Festa da vinda
9.Quem me vê sorrindo
10.Amor proibido
11.Ordenes e farei
12.Alegria

Download: http://rapidshare.com/files/84574626/cartola_1974_.zip

Namastê!

Read Full Post »

Juiz de Fora é uma cidade muito interessante. Além de ser o berço de personagens ilustres como Itamar Franco e Sheila Carvalho, realiza um dos maiores eventos gays do Brasil: o Miss Gay.

Há uns anos tentaram tirar o evento da cidade, mas o que é isso? Juiz de Fora não é JF sem o Miss Gay! Olha que eu estou falando isso e sou hetero, Miss Gay no Rio de Janeiro ia ser a coisa mais sem graça do mundo. Violência e o não-aconchego das cidades pequenas…

Nesse final de semana, 100 mil pessoas foram ao centro da cidade para prestigiar o evento: 3 trios elétricos tocando música eletrônica à vontade pro pessoal. E dando uma voltinha por lá… não é que eu vi mais heterossexuais do que homossexuais lá? Pois é! Todo mundo está aderindo à festa. Acho que é resultado de uma combinação: grande policiamento, música boa de graça e bebida barata sendo vendida nas ruas.

O Desfile das drags não tão misses assim é muito divertido. Elas andam glamourosas pelo calçadão da Rua Halfeld tirando fotos com o pessoal. Então… eis uma foto da Miss Gay 2007 (não achei a de 2008…)

Miss Gay Brasil 2007

Miss Gay Brasil 2007

 

Deixo uma pergunta: todos aparentemente aceitando as diferenças, heteros e homos reunidos numa mesma grande festa… Até que ponto isso é realmente um indicador da não existência de preconceito?

Read Full Post »

Então.. esse é o último post sobre o livro Iniciações Tibetanas da Alexandra David-Néel. 🙂

“Tendo nascido como um ser humano, seria lastimável esbanjar essa vida empregando-a na prática de ações irracionais ou malfazejas, e morrer depois de ter levado uma vida inutil” (pág. 170)

Para os tibetanos é muito difícil ter a oportunidade de nascer como humano… então não se pode deixar escapar a chance de sair da roda de nascimentos e renascimentos. Eu particularmente não acredito que possamos reencarnar em animais assim tão facilmente, já que são seres que não possuem raciocínio logico. Seria um retrocesso muito grande, o que poderia ocorrer somente com ações terrivelmente ruins em vida humana.

“É necessária uma vigilância contínua para se preservar das faltas que podem ser cometidas pelo corpo, pela palavra e pelo espírito”

Vigilância dos sentidos. Você consegue controlar seus pensamentos ou eles vem como um turbilhão desordenado em sua cabeça? O budismo tem a proposta de nos libertar do sofrimento. Identificar quais são as armadilhas que as sensações nos forjam só é possível com essa vigilância.

“Estudai com imparcialidade todas as doutrinas que vos são acessíveis, sejam quais forem suas tendências.”

Como ter a opinião mais correta sobre algo se não se procura saber tudo sobre? Como perceber a malícia da palavra de alguns, se és ignorante? Não temeis o desconhecido, o sentimento correto é: respeitai o desconhecido!

E uma das frases que mais me intriga num âmbito de ação, sobre a qual nem me permito tecer comentários, só gostaria de saber de quem leu o post…

Para manter-se independente é necessário estar livre de desejos. Quem não quiser dar a ninguém a oportunidade de passar-lhe uma corda no nariz para conduzi-lo como se conduzem bois, deve estar livre de toda espécie de apegos.

Então…como ser livre dos desejos?

Eu e o livro

Eu e o livro

Read Full Post »

Eis um fragmento da página 108:

“Alguns jovens expuseram ao Buda que os mestres das escolas filosóficas ensinavam tantas doutrinas diferentes, eu seu país, que eles não sabiam em qual mais acreditar e pediam-lhe que lhes indicasse aquela e que deveriam crer.

Buda respondeu:

‘_Não creiais de modo algum na fé das tradições, mesmo que sejam acatadas por muitas gerações e em muitos lugares. Não creiais em algo pelo simples fato de muitos acreditarem. Não creiais na fé dos sábios dos tempos passados. Não creiais naquilo que imaginastes e vos persuadistes provir de inspiração divina. Não creiais em nada baseado somente na autoridade de vossos mestres ou dos sacerdotes. Após o exame, crede naquilo que experimentastes e reconhecestes como razoável e a isso conformai vossa conduta.‘ “

Eis a verdadeira fé, seja qual for a religião. E se a verdadeira fé é essa, então qualquer filosofia é válida… Para vocês verem como Buda era realmente de origem Divina, ele “nega” o próprio budismo nessa resposta. Isso me faz crer também, mais ainda, em Helena P. Blavatsky, fundadora da Sociedade Teosófica e autora da aclamada frase “Nenhuma religião é superior à Verdade”.

Como a Verdade tem múltiplas faces, que não busquemos uma verdade absoluta para ser imposta aos outros, mas sim a nossa própria verdade de PAZ-AMOR-SABEDORIA, essa que é universal.

Namastê!

Read Full Post »

Older Posts »